CHAVE PHILIPS

Muitas pessoas acreditam que a chave Philips foi criada por Gerard Philips, co-fundador da Philips Eletrônicos. Gerard e Anton, seu irmão, realmente criaram muitas coisas interessantes, mas não a chave cruzeta. O mérito dessa ferramenta tão útil nos dias de hoje é de John P. Thompson, um inventor da cidade de Portland, nos Estados Unidos.

John P. Thompson vendeu seu projeto de auto-centramento ao engenheiro Henry F. Phillips, em 1935, depois de não conseguir fabricantes interessados na sua invenção. O empresário era dono da Companhia de Parafusos Phillips que, depois de refinar o design próprio, conseguiu que o projeto fosse rapidamente adotado pela indústria.

Um de seus primeiros clientes foi a General Motors, para a linha de montagem do Cadillac. Mas o sucesso das chaves e parafusos Philips foi tão grande que, em apenas cinco anos, 85% dos fabricantes de parafusos dos Estados Unidos tinham uma licença para produção do sistema.

A grande vantagem do padrão estrela – e que o levou a ser rapidamente adotado em outros setores da indústria – é que ele possuía um formato bem mais prático do que o utilizado na época, sendo extremamente útil em linhas de produção que utilizam chaves de parafusos automáticas. A ferramenta também poupava forças e evitava que a chave escorregasse durante a instalação.

A grande contribuição de Henry F. Phillips foi, portanto, levar a adoção do conceito por fabricantes de parafusos e empresas de automóveis. John P. Thompson acabou não levando o crédito do nome, mas teve a patente do produto reconhecida anos mais tarde.

Chave Philips x Chave de fenda comum

A Philips é a protagonista de uma das maiores dúvidas sobre a ferramenta: a diferença entre ela e a chave de fenda. A resposta é simples, a diferença é a sua ponta que, além de ser fina, possui um formato de fenda cruzada. Este modelo também é muito utilizado em trabalhos domésticos, mas para materiais que não podem ser muito apertadas pelo parafuso, como peças de acrílico ou pvc.

– Fácil manuseio

Outra característica importante da chave Philips é sua maneira de ser manuseada.
Por exemplo: se você precisa parafusar, selecione a ferramenta adequada para o parafuso e coloque a cabeça da chave na ponta do parafuso.

Girando em sentido horário e exercendo força (para baixo, em sentido vertical, e para dentro, em sentido horizontal), vá fazendo movimentos horários.

Pronto: seu parafuso estará colocado. Na outra ponta, caso deseje desparafusar, o processo é semelhante: no objeto que está parafusado em determinado material, coloque a chave e gire, mas sem forçar para baixo/lado, no sentido anti-horário.

– Quando utilizar

Em inúmeras situações. A principal delas, como descrito acima, é parafusar e desparafusar.

Mas, engana-se quem acha que isto é ‘muito pouco’: há inúmeros objetos que contam com os parafusos de fenda cruzada. Na sua própria casa, você percebe isso – desde o computador, passando pela geladeira e chegando às prateleiras, móveis e para várias outras situações, a chave Philips se fará necessária para serviços domésticos – por isso, tenha alguns modelos para fazer o trabalho por si só.

– Atenção para alguns casos

Determinados acontecimentos podem fazer com que a chave Philips não execute a sua função. Mas, o problema muitas vezes não é da ferramenta. Parafusos ‘espanados’, ou seja, com a fenda cruzada corrompida por ferrugem ou ação do tempo, podem ser difíceis de tirar por não terem a aderência necessária.

Assim, óleos especiais contribuem na situação, facilitando a retirada. Também precisam ser guardadas dentro da sua caixa de ferramentas com cuidado, sempre passando por limpeza para que não enferrujem com o constante uso.

Fontes: adaptado dos sites “IConstruindo” (https://goo.gl/uPXgCP), “Nedo” (https://goo.gl/QNnQdG) e “Grupo Orguel” (https://goo.gl/Y2Vdmc)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s